26 de jul de 2015

Solucionando Problemas Com o Leitor DS7708

Olá Pessoal.
Confere abaixo como resolver possíveis problemas com o Leitor Zebra/Symbol DS7708. #Enjoy

Leitor Symbol DS7708
Tratando-se de leitura de balcão, o DS7708 oferece um conjunto de funcionalidades que o coloca no topo de sua classe por alto desempenho, facilidade de implantação e baixo custo total de propriedade. 

Não importa o tipo de código de barras que apareça em seu ponto de venda, o DS7708 lê todos, 1D, 2D, impressos e eletrônicos, tão rápido quanto seus caixas possam passar os itens pela janela de leitura.
Com seu design compacto, o DS7708 pode ser facilmente instalado nos espaços de caixas registradoras mais ajustados.

Solução de Problemas
Abaixo listamos alguns possíveis problemas, possíveis causas e soluções possíveis para a utilização do DS7708 da Zebra/Symbol.

Problema: A iluminação do LED vermelho não acende quando as instruções para a instalação do cabo do host são seguidas.

Possível Causa: Não há energia no leitor;
Possível Solução: Verifique se o host está alimentado e ligado. Se o leitor usa uma fonte de alimentação separada, verifique se ela está conectada a uma tomada em funcionamento.

Possível Causa: O cabo de interface não está conectado corretamente.
Possível Solução: Verifique se há conexões de cabo frouxas.


Problema: A iluminação do LED vermelho fica mais forte quando o código de barras é apresentado no campo de visão, embora o código de barras não possa ser lido.

Possível Causa: O leitor não está programado para ler esse tipo de código de barras.
Possível Solução: Tente ler outros códigos de barras do mesmo tipo de código de barras.

Possível Causa: O código de barras está danificado.
Possível Solução: Verifique se há conexões de cabo frouxas.
Problema: A iluminação do LED vermelho acende de forma esmaecida e não fica mais forte (o leitor não muda para o modo de decodificação ativa) quando um código de barras é apresentado no campo de visão.

Possível Causa: O código de barras não está dentro da faixa de detecção do leitor.
Possível Solução: Mova o código de barras para a região da faixa de detecção do leitor.


Problema: O código de barras foi decodificado, mas não foi transmitido para o host.

Possível Causa: O leitor não está programado para o tipo de host correto.
Possível Solução: Faça a leitura do código de barras do tipo de host apropriado.


22 de jul de 2015

Scanners Zebra Technologies

Olá Pessoal.
Como a Zebra Technologies, agora possui uma linha completa de Leitores de Códigos de Barras, confere abaixo alguns detalhes sobre os códigos de barras e os leitores. #Enjoy

Códigos de Barras
No mundo globalizado de hoje onde as coisas acontecem cada vez com mais rapidez, a precisão e a segurança nas informações são premissas essenciais para o sucesso!

O Código de Barras em si, é uma representação gráfica de dados numéricos ou alfanuméricos. A decodificação (leitura) dos dados é realizada por um tipo de scanner - o leitor de código de barras -, que emite um raio vermelho que percorre todas as barras. Onde a barra for escura, a luz é absorvida, onde a barra for clara (espaços), a luz é refletida novamente para o leitor. Os dados capturados nessa leitura óptica são compreendidos pelo computador, que por sua vez converte-os em letras ou números humano-legíveis.

Códigos de Barras 1D e 2D
Resumidamente existem dois tipos de Código de Barras, os Uni-Dimensionais e os Bi-Dimensionais, a diferença principal é a quantidade de dados que cada um suporta. Por exemplo, no primeiro código abaixo (1D) consta o número 11 3526-5909. Já no segundo (2D), consta a letra da mundialmente famosa "Enter Sandman" da banda Metallica.

Código 1D

Código 2D

Algumas Simbologias Mais Usuais
A primeira simbologia mais comum é o EAN 13/8, Utilizado para a identificação de produtos de consumo, no Varejo ou Atacado. Todos os produtos que você ver na prateleira de um Super Mercado terão este código.

Outra simbologia também muito usual é o FEBRABAN, utilizado em Boletos Bancários, possui 44 posições.

Leitores de Códigos de Barras
Os leitores de códigos de barras ou scanners, são os dispositivos responsáveis pela transmissão dos dados contidos nos códigos. Existem 3  tipos básicos de leitores: Leitores Laser, Leitores CCD e Leitores Com Câmera.

Leitores Laser
Os scanners ou leitores a laser consistem em uma fonte de luz (laser) e um fotodiodo que estão na "boca de leitura". Normalmente usam um espelho ou um prisma para dirigir o raio sobre toda a superfície do código de barras. Um fotodiodo é responsável por medir a intensidade da luz refletida a partir do código.

Leitores CCD
Os leitores CCD (Charge Coupled Device) usam uma matriz com centenas de pequenos sensores de luz alinhados em uma linha na cabeça do leitor. É como se cada sensor fosse um fotodiodo que mede a intensidade da luz recebida. Cada sensor de luz individual no leitor CCD é muito pequeno e, como há centenas de sensores alinhados, gera-se um padrão idêntico ao padrão do código de barras.
A diferença mais significativa entre um leitor CCD e um leitor laser, é que o primeiro mede a luz ambiente refletida pelo código de barras enquanto o outro emite sua própria luz para fazer as medições.

Leitores Com Câmera
O terceiro tipo, o mais moderno, é o leitor que usa uma pequena câmera de vídeo para capturar a imagem do código de barras. O leitor usa então sofisticadas técnicas de processamento de imagem digital para decodificar o código de barras.

As câmaras de vídeo usam a mesma tecnologia dos leitores CCD exceto que, ao invés de ter uma única linha de sensores, uma câmera de vídeo tem centenas de linhas dispostas numa matriz bidimensional para que possam gerar uma imagem. A vantagem deste sistema é que se pode manusear o leitor de qualquer maneira, permitindo a interpretação do código em qualquer posicionamento.

Os fatores que fazem um código de barras legível são: contraste suficiente entre as barras e os espaços brancos e ter dimensões dentro do padrão. Bordas marcadas ajudam na leitura, assim como uma superfície lisa e margens limpas nos extremo dos códigos.

Tipos de Leitura
Abaixo a exemplificação dos tipos de leitura:
1 - Leitores Lineares, 1D ou Unidirecionais



4 - Leitores Imager, 2D (Captura de Imagem)


20 de jul de 2015

Como Habilitar o Enter no Leitor Symbol LS7708

Olá Pessoal.
Confere abaixo como é simples habilitar o Enter no Leitor Symbol LS7708. #Enjoy

Leitor Symbol LS7708
O leitor Symbol LS7708 para balcão está disponível para leitura no modo apresentação ou varredura em um formato bastante atraente. 

Para a rápida e precisa leitura de mercadorias, esse prático leitor que deixa as mãos livres exige esforço mínimo do operador.

Todos seus recursos contribuem para o aumento do desempenho, melhorando a eficiência e velocidade da passagem pelos caixas.

Características Técnicas Básicas
Abaixo são apresentadas algumas características do LS7708:
Dimensões: Altura 16cm x Largura 15,2cm x Comprimento 9,5cm;
Peso: 907 gramas;
Fonte de Luz: Diodo a laser visível de 650 nm;
Padrões de Leitura: Estático/Varredura - Omnidirecional: 24/120 linhas de leitura;
Taxa de Leitura: Estático/Varredura - Omnidirecional: 2.400 leituras/segundo;

Habilitando o Enter Após as Leituras
Uma das várias possibilidades de configuração para o LS7708 é a de habilitar o Enter após a leitura de um código, ou seja, o leitor efetua a leitura e coloca o cursor na linha de baixo, é simples observe: imagine que você precise ler os seguintes códigos:
Sem o Enter os códigos serão apresentados assim: ZS123ZS456ZS789ZS012.
Habilitando o Enter:
ZS123
ZS456
ZS789
ZS012

Processo de Configuração
A configuração é muito simples! Antes de mais nada você precisa efetuar o download o manual diretamente do site da Zebra Technologies. 
Após o download do manual, imprima as páginas referentes seguir e leia os códigos de programação na sequência:



Feito isso a cada leitura de um código pelo seu leitor o mesmo deixará o cursor na linha de baixo.


3 de jul de 2015

Como Configurar a Impressora Zebra em Rede

Olá Pessoal.
Confere abaixo como configurar uma impressora Zebra para comunicar em rede. #Enjoy

Impressora Zebra em Rede
A conexão de impressoras Zebra em rede possibilita que as mesmas sejam utilizadas por mais de um usuário, sem que haja a necessidade da impressora estar conectada diretamente a um computador.
A conexão em rede pode ser cabeada ou wi-fi.

Utilizaremos como exemplo a Impressora Portátil da Zebra RW420. Esse modelo pode ser com Bluetooth ou com Wi-Fi ok?

Configurando a Wi-Fi
Utilizaremos para a configuração o software Zebra Setup Utilities, confira abaixo o passo a passo:
Passo 1 » Abra o Zebra Setup Utilities, selecione sua impressora e clique em Configurar a Conectividade da Impressora, conforme abaixo.

Passo 2 » Na nova janela selecione Sem fio e cliquem em Próximo.

Passo 3 » Nesta etapa, começa de fato as especificações da sua rede sem fio, abaixo estão as configurações da nossa.

Nossa rede trabalha com IP estático, chamaremos a RW420 de "RW420 Setor 2", a faixa de IP disponível para ela é do final 45 até o 60 e por fim nossa máscara de rede e nosso Gateway são respectivamente: 255.255.255.0 e 192.168.1.5.
Nosso ESSID é ZebraShop e a segurança de rede é em WPA-PSK.

Com essas informações basta preencher o Zebra Setup Utilities e clicar em Próximo.

Passo 4 » Aqui neste passo são as configurações finais, coloque seu ESSID e indique o tipo de segurança da sua rede, após isso clique em Próximo.

Passo 5 » Nesta última etapa coloque a "senha" da sua rede e clique em Próximo.

Na próxima janela onde aparecer Configurações Avançadas, clique em Próximo.

Passo 6 » O software mostrará o arquivo em CPCL correspondente a sua configuração, clique em Próximo.

Passo 7 » Por fim, você tem a opção de enviar o arquivo diretamente para impressora, ou salvar o mesmo para enviar posteriormente. Em nosso caso salvamos o mesmo.

O Zebra Setup Utilities irá salvar um arquivo .CPCL, você consegue abri-lo com um bloco de notas, nele constam as configurações para sua impressora, abaixo está o nosso arquivo.

! U1 setvar "ip.dhcp.enable" "off"
! U1 setvar "wlan.ip.protocol" "permanent"
! U1 setvar "ip.addr" "192.168.1.55"
! U1 setvar "ip.netmask" "255.255.255.0"
! U1 setvar "ip.gateway" "192.168.1.5"
! U1 setvar "device.friendly_name" "Zebra Setor 2"
! U1 setvar "wlan.essid" "ZebraShop"
! U1 setvar "wlan.leap_mode" "off"
! U1 setvar "wlan.kerberos.mode" "off"
! U1 setvar "wlan.encryption_mode" "off"
! U1 setvar "wlan.8021x.enable" "off"
! U1 setvar "wlan.operating_mode" "infrastructure"
! U1 setvar "wlan.country_code" "not selected"
! U1 setvar "wlan.allowed_band" "all"
! U1 setvar "wlan.wpa.authentication" "psk"
! U1 setvar "wlan.wpa.enable" "on"
! U1 setvar "wlan.wpa.psk" "C4023FB9CFC71B4942563BC1C32C9E2BFCBBAEC08F35AE7F433A0EDDB851DCF5"
! U1 do "device.reset" ""


26 de jun de 2015

Conheça o Print Touch da Zebra

Olá Pessoal!
Conheça neste rápido post o Print Touch da Zebra Technologies! #Enjoy

Print Touch
Criar aplicações para impressoras Zebra Technologies ficou muito fácil utilizando o Print Touch.

O Print Touch utiliza a tecnologia NFC (Near Field Communication), o que permite acesso rápido e fácil às impressoras. As impressoras Zebra habilitadas com o Print Touch tem o símbolo indicado na impressora iMZ320 ao lado, pintado em eu seu chassi. 

O Print Touch está disponível para Link-OS e Android, lembrando que, dispositivos habilitados para NFC.

Confira o Vídeo Demonstrativo


22 de jun de 2015

Como Acessar um Banco de Dados Com o ZebraDesigner Pro

Olá Pessoal!
Confere neste post como criar uma etiqueta para acessar um banco de dados, utilizando o ZebraDesigner Pro! #Enjoy

ZebraDesigner Pro
O software ZebraDesigner Pro é ideal para criação de etiquetas complexas, baseada em dados fixos ou variáveis. Com o ZebraDesigner Pro, você aumenta as capacidades da impressora e maximiza o seu desempenho com estas características:
» Interface baseada no Windows;
» Conexão com Database;
» Recursos de RFID;
» Ferramentas de diagnóstico.

Instalação do ZebraDesigner Pro
A instalação do ZebraDesigner Pro é muito simples, idêntica a da versão free. Caso queira, clique AQUI para checar a instalação do software.
Vale dizer que esta é uma versão paga do software, logo, estamos usando uma versão demo.

Banco de Dados
Para exemplificar a utilização do software com um banco de dados, utilizamos uma simples planilha de excel, com dados como "nome", "idade" e "registro", conforme a imagem abaixo.
Criação de Etiqueta e Acesso ao Banco de Dados
Tomaremos como exemplo a impressora GT800, para criação das etiquetas e acesso ao banco de dados.
A criação de etiquetas é bem simples, como no ZebraDesigner free.

Após criada a etiqueta, começa o acesso ao banco de dados, conforme as imagens abaixo. Tal acesso é feito através do botão "Database", acompanhe o passo-a-passo a seguir:

Passo 1: Após a criação da etiqueta, de forma simples, clique em Database e depois "Create Database Connection.

Passo 2: Na janela que abrir, basta apontar para seu banco de dados, no nosso caso para o arquivo de excel, conforme abaixo. Quando selecionar o arquivo basta clicar em "Abrir".


Passo 3: Após o passo anterior, aponte a planilha onde se encontram os dados que você quer que o software acesse. Em nosso caso a planilha é a "Sócios". Feito isso clique em "Next".

Passo 4: Na janela que se abre, após o passo anterior, selecione as colunas, onde estão os dados que você irá utilizar para criar sua etiqueta. Feito isso, clique em "Next"

Passo 5: Neste passo, você deve definir sobre como serão impressos os dados a partir do banco de dados. Na primeira pergunta você deve selecionar quais dados você quer imprimir. Selecione a segunda opção "Eu quero selecionar os dados para imprimir"
Já na segunda pergunta você define quantas etiquetas devem ser impressas com as informações do banco de dados. Selecione a primeira opção, onde será impressa uma etiqueta para cada registro do banco de dados. Feito isso clique em "Next". 

Passo 6: Neste último passo, selecione a opção "I will link the database fields to the objects myself later", onde você irá indicar os links para cada campo de impressão mais tarde. Clique em Finish. 

Após toda configuração acima, você retorna a etiqueta. O link com o banco de dados está preparado, basta criar sua etiqueta agora. Confira abaixo como criar os campos para o acesso das informações no banco de dados.

Acessando Banco de Dados na Etiqueta
A criação dos campos para o acesso às informações do banco de dados é simples, basta criar campos de texto ou códigos de barras variáveis. Acompanhe abaixo.

Passo 1: Crie uma etiqueta, normalmente. Nos campos que você quiser o acesso ao banco de dados, selecione a opção de "variável de texto" ou "variável de código de barras". Selecionando a opção de variável de texto, clique em Next e marque a opção "Database" conforme a imagem abaixo. Feito isso clique em Next.

Passo 2: Selecione qual o campo do seu "banco de dados" você quer imprimir. Em nosso caso começamos pelo campo "Nome" e limitamos este campo a 15 caracteres. Feito isso clique em Next e na janela seguinte em Finish.

Passo 3: Seu campo de texto irá aparecer conforme abaixo, com vários pontos de interrogação e o nome da origem dos dados, vindos do bloco de notas.
Seguimos os mesmíssimos passos acima e criamos outro campo variável para acesso ao banco de dados, "puxando" a informação de idade. Iremos agora criar um código 2D PDF417, onde colocaremos o registro dos funcionários.

Passo 4: O processo é idêntico ao do campo de texto, porém, iremos inserir um código PDF417, no qual iremos lincar com o "Registro" do nosso banco de dados. Conforme abaixo, insira o código, selecione "variável de código" e clique em Next. 

Passo 5: Na janela que abrir, defina o campo que você quer em "Field" no nosso carro, queremos o Registro e defina o quão longo deve ser este campo, em nosso caso 4 caracteres. Clique em Next e depois em Finish.

Passo 6: Ao fim sua etiqueta ficará como mostrado abaixo: Nos campos variáveis, onde há o acesso a abanco de dados, irá aparecer pontos de interrogação e o nome do campo no banco de dados.

Imprimindo a Etiqueta Com Acesso ao Banco de Dados
Após ter finalizado a criação da etiqueta, o processo de impressão é um pouco diferente do de imprimir uma etiqueta comum, acompanhe:

Passo 1: Quando você clicar em imprimir, irá abrir a janela abaixo, pedindo para você selecionar os dados que quer utilizar. Clique em Select Records.

Passo 2: Em nosso caso estamos utilizando a tabela completa, basta clicar na seta indicada e clicar em ok.

As etiquetas serão impressas com os dados do seu banco de dados:





Vale dizer, que como estamos utilizando a versão demo do aplicativo, ele modifica alguns caracteres propositalmente, conforme vocês podem ver acima.